Últimas Notícias

Publicada em 13/11/2016 - 23h45
Por Da Redação

Deputado comemora lançamento do edital da barragem de Castelo

Além de Castelo do Piauí e Juazeiro do Piauí, a barragem se construída vai beneficiar outras cidades da região.


publicidade


Foto: Reprodução Deputado comemora lançamento do edital da barragem de Castelo Deputado Antonio Félix (PSD)

O deputado Antonio Félix (PSD) comemorou na ultima quinta-feira (10), durante a sessão plenária na Assembleia Legislativa, o lançamento, no próximo dia 29 de novembro, às 10h, no gabinete do diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (DEPI), Francisco Alberto de Brito Monteiro, do edital de licitação para a construção da Barragem de Castelo do Piauí, no rio Poti, orçada em R$ 370 milhões. "No dia do aniversário do idealizador da obra, o governador Alberto Silva, nós tivermos essa boa notícia". Se vivo estivesse, Alberto Silva completaria hoje 98 anos.  

Além de Castelo do Piauí e Juazeiro do Piauí, a barragem vai beneficiar mais de meio milhão de habitantes, nas cidades de São João da Serra, Alto Longá, Prata do Piauí, Beneditinos, Buriti dos Montes, São Miguel do Tapuio, Novo Santo Antônio, Demerval Lobão e Teresina.

» Curta nossa Fanpage no Facebook

» Siga-nos também no Twitter

A obra foi incluída no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC II) - Conteção de Cheias, do Ministério da Integração Nacional, e será construída entre os municípios de Castelo e Juazeiro do Piauí. A barragem terá a capacidade de armazenamento de 2,6 bilhões de metros cúbicos de água e contará com estrutura – serão instaladas quatro turbinas - para a produção de 25MW de energia “limpa”.

Antonio Félix destacou que a Barragem de Castelo do Piauí será a segunda maior do Piauí, com capacidade de armazenar 2,6 bilhões de metros cúbicos de água, ficando atrás apenas da Boa Esperança, em Guadalupe, que pode acumular um volume máximo de 5 bilhões de metros cúbicos.

Além de abastecer as cidades via adutoras, as águas da Barragem de Castelo serão utilizadas para geração de energia e implantação de projetos de piscicultura e agricultura irrigada. Outro objetio da barragem é a conteção das enchentes em Teresina.

“É uma obra que tem o aval do Tribunal de Contas da União, que colaborou com o IDEPI na elaboração da licitação. A barragem terá um alcance social muito grande para as populações, que vai ser abastecida através de adutoras a serem construídas para levar água da barragem para os municípios”, comemorou .


Fonte: Paulo Pincel / Edição: Katya D'Angelles


Tópicos: Deputado, barragem, Castelo

Avaliação:

publicidade