Últimas Notícias

Publicada em 31/10/2014 - 09h19
Por Francisco Alves

População está chocada com chacina que vitimou cinco pessoas

O que pode ter levado uma pessoa assassinar friamente 05 pessoas no único dia? Teria sido um surto, ou até mesmo uma atitude demoníaca.


publicidade


População está chocada com chacina que vitimou cinco pessoas Professor Roberto Brito Bastos - Vítima

Ainda não está clara a verdadeira motivação da chacina que chocou o município de São Miguel do Tapuio, no inicio da tarde de ontem, quinta-feira (30/10), onde 5 pessoas foram friamente assassinadas no Assentamento Saco do Juazeiro, distante 46 km da sede do município. A suspeita cai sobre Cléwilson Vieira Matias, conhecido apenas como “Chiê”.

"Chiê" matou sua companheira de nome Maria Moreira do Nascimento, um professor de informatica de nome Roberto Brito Bastos Crisóstomo, um líder comunitário de nome Juvêncio dos Reis Silva, um neto de Juvêncio, de nome Sidney Tavares eSilva e um comerciante, identificado como Claudio Barros de Oliveira.

» Curta nossa Fanpage no Facebook

» Siga-nos também no Twitter

O assassino é acusado de tráfico de drogas no povoado e segundo informações da polícia, a principal motivação dos crimes seria porque ele recebeu informações de que os moradores estavam se organizando para expulsá-lo da comunidade, através de um baixo assinado.

Muitos têm tratado o caso como um surto, mas o que se comenta é que os motivos dos assassinatos deram-se exatamente por RETALIAÇÃO das denuncias contra o trafico de drogas na localidade, sendo que Chiê ao tomar conhecimento, ficou revoltado e tomou essa atitude demoníaca.

Policiais militares da 2º Companhia de Polícia Militar de São Miguel do Tapuio, policiais Civis, além dos agentes da cidade de Novo Oriente/CE, já cercaram toda a região com o intuito de prendê-lo o acusado. Um helicóptero do Grupamento Aéreo da Polícia Militar do Piauí (GTAP) e policiais da Força Tática Policial de Campo Maio, também ajudam nessa operação.

Saiba quem são as vitimas da chacina:

+ Maria Moreira do Nascimento (35 anos) - Agente Comunitária de Saúde e companheira do acusado;

+ Roberto Brito Bastos Crisóstomo (50 anos) - Professor de informática da rede municipal de ensino;

+ Juvêncio dos Reis Silva (65 anos) - Líder comunitário;

+ Sidney Tavares e Silva (18 anos) – Ex-funcionario do acusado e Neto do líder comunitário Juvêncio;

+ Claudio Barros de Oliveira (45 anos) - comerciante e compadre do acusado;


Fonte: Da Redação
Editor: Francisco Alves


Tópicos: crime, chacina, saco do juazeiro, mortes, policia

Avaliação:

publicidade



Comentários

  1. Josinaldo Alves - Assunção do Piauí/PI
    01/11/2014 às 08:03h
    Que deus se lebre das almas deles, e que conforte todos os familiares.
  2. luan gomes - novo oriente/PI
    01/11/2014 às 02:44h
    mata logo ele