Últimas Notícias

Publicada em 30/12/2012 - 22h56
Por Francisco Alves

Aposentado é encontrado morto dentro de casa em Campo Maior

Ele sofreu uma pancada na cabeça. A polícia suspeita que a vítima tenha sido assassinada por uma menor


publicidade


Imagem: Portalcampomaior Aposentado é encontrado morto dentro de casa em Campo Maior Corpo da vítima no local onde foi localizado pelos policiais

O aposentado Manoel Pereira da Silva, de 61 anos, foi encontrado morto por volta das 17hs dentro do quarto de sua casa, localizada na rua Doutor Pedro Texeira, centro de Campo Maior, com uma pancada na cabeça. A polícia suspeita que a vítima tenha sido assassinada por uma menor de iniciais K.B.P.S de 17 anos, que inclusive já está apreendida no 1° Distrito Policial de Campo Maior.

O delegado Daniel Pires, da 5ª Delegacia Regional, disse que o aposentado sofreu uma pancada na cabeça, que pode ter sido provocado por uma queda ou mesmo por um golpe. O policial informou que a menor foi a ultima pessoa que foi vista com o aposentado antes dele falecer. “Só por isso ela foi apreendida para averiguação”, disse o delegado.

Daniel informou que foi encontrado evidências de que o local servia para o consumo de crack. O material foi apreendido e levado ao 1º DP. “Localizamos instrumentos usados para o consumo de crack e isso pode ter ligação com a menor apreendida no local”, disse Daniel.

Na delegacia a menor, que era amante da vítima, se defende das acusações, dizendo que o aposentado morreu após uma dose exagerada de estimulantes sexual. O corpo do aposentado foi levado para o necrotério do hospital de Campo Maior, mas será transferido para o IML de Teresina, onde será examinado para confirmar a causa de sua morte.

O delegado disse que se for confirmado esse crime, Campo Maior fecha o ano de 2012 com sete homicídios. “Os números não são bons, mas vale ressaltar que o trabalho da polícia foi eficiente, uma vez que todos esses crimes já foram esclarecidos e os criminosos presos, é claro que ai não inclui o assassino do mototxista que continua foragido”, diz Daniel.

Fonte: Portalcampomaior

Avaliação:

publicidade